MU.SA DESTACA OBRAS DE NADIR AFONSO
Agenda Cultural

MU.SA DESTACA OBRAS DE NADIR AFONSO

Foi inaugurada no passado dia 8 de Março a exposição “O Espaço Ilimitado da Pintura”, obras da coleção de Nadir Afonso.

Nascido em Chaves em 1920, a propensão para a pintura revelou-se aos quatro anos, em casa, quando traçou com tinta vermelha um círculo perfeito na parede da sala. Em 1934, realizou os primeiros trabalhos a óleo e, em 1938, ganhou o segundo prémio do concurso “Qual o mais belo trecho da paisagem portuguesa?”.

Na década de 40, não deixou de pintar e, apesar de ter concluído o Curso de Arquitectura, começou a expor e a ter impacto junto da crítica.

Aos 24 anos uma das suas obras, “A Ribeira”, deu entrada no Museu de Arte Contemporânea de Lisboa.

Em 1965, abandonou a arquitectura e desenvolveu estudos sobre a geometria, que considera ser a essência da arte. Então a sua vida passa a ser dedicada exclusivamente à criação de uma extensa obra plástica e teórica.

Esta exposição insere-se nas comemorações do centenário do nascimento do pintor, a 4 Dezembro de 1920, e ficará patente até 5 de Janeiro de 2020.

Nadir Afonso – Foto de: nadirafonso.com

Conheça mais ao pomenor as obras e a vida do astista no seu site oficial:
https://www.nadirafonso.com/

O artista numa reportagem da RTP 1

Fontes do artigo: cm-sintra.pt e nadirafonso.com